Convergência Pelo Clima

A Convergência pelo Clima atua na proposição de estratégias e estudos técnicos em articulação com diversos movimentos e ONGs socioambientais locais para mitigação e redução dos efeitos das mudanças climáticas em Salvador.

CONVERGÊNCIA PELO CLIMA FOMENTA DISCUSSÃO SOBRE CRISE CLIMÁTICA EM SALVADOR

É uma rede formada a partir da mobilização local para a Semana do Clima da América Latina e Caribe, realizada em agosto de 2019, em Salvador. Ela surge para mobilizar esforços diante da emergência climática, monitorando as políticas públicas para a questão e levando a discussão aos mais diversos territórios e comunidades.

No primeiro momento, organizações ambientalistas, sindicais, movimentos sociais, entidades técnicas, pesquisadores, representações partidárias, entre outros atores, realizaram atos no evento da ONU e em locais públicos de Salvador chamando a atenção para a urgência do tema para a vida humana e demandando ação do Governo Federal, Governo do Estado e Prefeitura de Salvador.

 

Atualmente, o IMATERRA e o coletivo SOS Vale Encantado com outras 54 instituições compõem a Convergência pelo Clima. Esse grande coletivo teve como grande missão acompanhar a elaboração do Plano de Mitigação e Adaptação às Mudanças Climáticas de Salvador (PMAMC) pela prefeitura de Salvador, e pautar a crise climática nas eleições municipais em 2020.

Foram realizados diversos eventos presenciais e virtuais, e também elaborados documentos técnicos que objetivaram ampliar as discussões e coletar sugestões dos territórios para mitigar e adaptar a cidade à crise climática, além discutir a relação dos parques, áreas verdes e o clima urbano de Salvador.

Encontro “ Não há Planeta B

Parte 2

Live Parques e Clima de Salvador

O documento entregue pela Convergência pelo Clima representa um compilado inicial de contribuições que incluem recomendações gerais para toda a cidade, como a renaturalização de rios, plantio maciço de árvores nativas, questões pontuais como a revisão do projeto do BRT, mas também trata especificamente dos territórios da bacia do rio Jaguaribe, dos Parques de Pituaçu e do Vale Encantado e das áreas de proteção ambiental do Abaeté e da Bacia Cobre/São Bartolomeu.

Acesse: www.gamba.org.br/convergencia

Leia aqui o documento na íntegra

Os integrantes da Convergência Climática têm linhas de atuação e formas de organização muito diversas, o que os une está descrito no primeiro Pacto pelo Clima, firmado em fevereiro de 2020:

PACTO PELO CLIMA

Salvador e Região Metropolitana – Por uma cidade inclusiva, resiliente e sustentável!

Nós abaixo assinad@s,

Inconformad@s e indignad@s

Com atitudes que, na Terra, geram alterações climáticas,

Que causam crises de desequilíbrio e desregramento;

Com intervenções que geram desmatamentos,

Frequentes enchentes e desabamentos...

 

Estamos de mãos dadas com a Vida, o Sagrado e a Ciência,

Para divulgar as pequenas, cotidianas e boas experiências,

Que servem de contraponto para as cruéis atuais tendências...

 

Unid@s na “Convergência pelo Clima” para discutir:

Dos direitos humanos aos direitos da Natureza,

Da formação de redes à força da cidadania em qualquer idade,

Da criação de parques à mobilidade,

Da segurança alimentar às desigualdades...

 

Unid@s na “Convergência pelo Clima” para:

Valorizar os caminhos e possibilidades,

Que expressam respeito ao Clima, à Vida e à diversidade,

Com perspectivas agroecológicas, permaculturais e suas variedades;

Propor políticas públicas para a nossa cidade,

Exigir dos governantes mais decência, seriedade

E sintonia verdadeira com os desejos das comunidades.

 

Mãos dadas para Esperançar!

Pois não há Planeta “B”, queremos o bem viver!

  • Instagram